4 de nov. de 2021

CorraAtrásDessesLivros (12ª edição)

> SINVALDO JÚNIOR sugere:

A rosa do povo, de Carlos Drummond de Andrade – complexa, diversa, riquíssima, tanto temática quanto estrutural e estilisticamente. Para alguns, a obra maior de Drummond; para outros, também. Unanimidade? Talvez. O melhor é se deitar, deletar todas as distrações e se deleitar com essa obra de poemas magistrais: “A flor e a náusea”, “Ontem”, “Movimento da espada”, “Resíduo”, “Caso do vestido”, “Morte no avião”, “Consolo na praia”, “Como um presente”, “Mas viveremos”, “Visão 1944”, “Canto ao homem do povo Charlie Chaplin”, entre tantos outros.

O encontro marcado, de Fernando Sabino – linguagem rápida, narrativa fluida, personagens convincentes. Narrado em 3ª pessoa, centra em Eduardo Marciano, cujas dúvidas, anseios, frustrações, pai, amigos permearão a vida daquele que se propuser a abrir essa obra-prima: o leitor. Dado o eterno universalismo da obra, nem parece que foi publicada em 1956.


🎁Sabia que você pode ajudar O Bule (a continuar a ferver) com uma doação de qualquer valor (qualquer valor mesmo, viu💰)? Basta



Ou Pix

Um comentário:

Milton Rezende disse...

bons palpites, para quem não, corra atrás destes livros.