4 de nov. de 2011

A Diversos Afins entrevista Rogers e Rodrigo, d'O BULE



"Consolidar caminhos pela grande rede é tarefa deveras complexa, sobretudo pelo fato de que atributos como responsabilidade e ética devem andar bem alinhados aos objetivos. Qualquer suporte literário que se digne a trilhar caminhos consistentes, deve ter em conta a perspectiva da busca incessante pela qualidade. Nesse aspecto, o potencial humano afigura-se o motor principal de todas as ações, ressaltando elementos importantes como a pesquisa e o comprometimento com o respeito à inteligência dos leitores. Partilhando de princípios como esses, o coletivo literário O BULE vem demarcando percursos cada vez mais vigorosos no que se refere à divulgação de palavras e seus respectivos artífices. Com organização, esmero e olhares voltados para as boas práticas literárias, seus condutores acabaram criando uma rede própria de interações, pautada não somente nas manifestações textuais de seus colunistas, mas também na abertura de espaços a outros tantos autores que comunguem do espírito criativo ali reinante.

Num momento em que presenciamos a proliferação de múltiplas iniciativas na via eletrônica, a presença marcante de projetos como O BULE direciona as atenções para a realização das coisas num sentido mais apurado do algo diferencial, ou seja, um eixo de produção de conteúdos que demarque um efetivo diálogo com quem se lança ao desafio constante da leitura. Apostando nessa perspectiva, seus fundadores, Rogers Silva e Rodrigo Novaes de Almeida, ousaram tecer as tramas de um projeto que pudesse conferir à palavra um ambiente privilegiado de reflexões em decorrência dos saberes e sabores advindos das letras. É possível atestar tais observações quando se observa o modo dinâmico e constante com o qual as publicações todas se comportam no site. Ressalte-se, também, o forte canal comunicativo presente no modo como as redes sociais são utilizadas pelo coletivo, gerando um contínuo fluxo de informações e trocas de experiências. E para falar um pouco sobre as significativas ações desenvolvidas pelo projeto, bem como outros afins literários, Rogers e Rodrigo expõem suas impressões materializadas na breve conversa que agora segue".


O leitor confere a entrevista só , só na Diversos Afins.

Nenhum comentário: