2 de fev. de 2010

Amanhã, entrevista com o escritor Nelson de Oliveira


? Qual – ou quais – das suas antologias considera provocadora(s)? (Ou que assim foi interpretada). A polêmica na literatura desperta interesse no leitor? Ela pode ser considerada um trunfo (uma boa estratégia) ou uma apelação?
.
? Literatura é emprego?
.
? Existe o Guimarães Rosa da Ficção Científica?
.
? Embora indiscreta, aí vai uma pergunta que interessa a todos do ramo – quanto você ganha aproximadamente, por mês, com a literatura? Direitos autorais, palestras, promoção de eventos, organização de antologias, consultoria e supervisão editorial, oficinas de criação literária...
.
? De que forma você avalia o papel da “mídia” tradicional em relação a esta nova geração que se criou e se inventou através da internet?
.
? Uma provocação, Nelson. Você já afirmou que "literatura não é apenas a arte do absurdo. É, antes de tudo, a arte do inútil. A ela só se dedica o rebotalho da humanidade". Por que, então, a arte ainda existe? Por que você ainda escreve e orienta escritores estreantes em suas oficinas se "a arte é inútil"?
.
.
Amanhã, aqui >>> Os colunistas d'O BULE entrevistam Nelson de Oliveira, que responderá essas e outras perguntas cabeludas.
.
.
* Um exemplar do Portal Neuromancer (org. Nelson de Oliveira) será sorteado entre aqueles que demonstrarem interesse nos comentários dessa ou da postagem da entrevista. É só gritar "Eu queeeeeeero", ou coisas similares.
.

Um comentário:

Parreira disse...

Eu quero!!!